variando o tema: gravuras de goya

depois que eu inventei de segregar meus blogs (território para os assuntos da sheila, LdG para falar de comida, este para música e alguns outros não abertos), aumentou a complexidade do critério de escolha de onde publicar certos posts (rs)… como os que tratam das minhas impressões sobre literatura, belas artes e arte dramática… então, vou pedir uma licença para os caros amigos aqui, pra conversarmos um pouco sobre goya… 🙂

o artista em ação.
registro do universo perturbado do gênio de goya.

goya. pra quem pretende fazer pit stop no MASP e apreciar a inauguração americana da exposição das 4 séries completas das gravuras do español don francisco de goya – parte das comemorações do aniversário de 60 anos do museu – deve se atentar para a palavrinha gravuras, recurso das artes plásticas usado pelo aragonês para satirizar e criticar defeitos e vícios da sociedade espanhola do antigo regime. pequeno detalhe talvez, mas que faz toda a diferença se você for, como eu, apreciador do inconsciente perturbado do aragonês mas não exatamente fã de gravura… 🙂 seja como for, as cerca de 218 obras formam um todo interessante com uma visão muito particular do artista divida entre as séries caprichos, desastres da guerra, tauromaquia (touradas), e provérbios ou disparates. e a parte legal é que o ingresso para a exposição dá direito a circular pelo belo acervo do MASP, e (re)conferir se os seus Van Goghs, Renoirs e Di Cavalcantis andam se comportando bem por lá… 🙂
serviço: MASP. Goya: as gravuras da coleção CaixaNova. 18/mar a 20/mai. clique para mais informações.
Spread the word:

ode à alegria

ícone destacado entre os grandes nomes da música, o alemão ludwig van beethoven (1770 – 1827), foi ainda um virtuoso pianista, regente e violinista. seu gênio criativo assinou um grande número de obras maestras em diversas formas; mas o propósito deste post é destacar uma em especial: sua última sinfonia completa, a excepcional 9a. sinfonia em ré menor, opus 125 , também designada por “choral“.

os fatos que fazem desta uma obra merecedora do adjetivo excepcional são muitos. fugindo do padrão estabelecido para sequenciação de movimentos das sinfonias clássicas, um autêntico scherzo (segundo movimento, molto vivace) precede o movimento lento (terceiro, adagio molto e cantabile).

já o famoso finale coral, baseado no hino otimista do poema Ode An die Freude (ode à alegria) do escritor alemão friedrich schiller, é considerado uma “sinfonia dentro da sinfonia”. um feito notável, se não por muitas outras razões, no mínimo pela beleza da superação e celebração da vida e da alegria de viver, vinda de um beethoven às voltas com o fantasma da surdez profunda que lhe acometera irreversivelmente.

contam os relatos históricos que o público presente na data de estréia da sinfonia – regida por um beethoven já completamente surdo – ficou tão encantado pela beleza da sinfonia que, contrariando a etiqueta, ovacionou o gênio por cinco vezes repetidas, ao final de cada movimento – o que por sinal, rendeu a beethoven simultaneamente a felicidade do reconhecimento e um certo desconforto com a realeza, que naquele tempo era a única entidade considerada digna de ser ovacionada por 3 vezes consecutivas…

considerada pela UNESCO como uma das obras de arte mais perfeitas de todos os tempos, a 9a. sinfonia de beethoven consta neste ano de 2007 do programa dos concertos de encerramento da OSESP (13, 14 e 15 de dezembro) e do programa dos concertos matinais da Orquestra Sinfônica Municipal no Theatro Municipal de São Paulo (25 de março, 11h). imperdível!

UPDATE 8/Mar: a sinfonia nr 9 está ainda no programa do concerto de abertura da temporada 2007 da OSUSP, previsto para 13/mar às 21h no Teatro Cultura Artística. Ingressos na bilheteria do TCA ou televendas: 11-3258 3344.

presentinhos:
* Beethoven. Sinfonia Nr 9, Opus 125, na leitura do grande Herbert von Karajan: parte 1, parte 2

serviço:
Venda antecipada de ingressos para os concertos do Theatro Municipal de São Paulo diretamente na bilheteria do teatro ou através da Ticketmaster: 11-6846-6000.

Spread the word:

cliente satisfeito volta e recomenda

… mas cliente insatisfeito custa a perdoar o mau atendimento. o lado bom de ter ficado de mal com a osesp este ano – por conta da lamentável falta de *tudos* na condução do processo de venda de assinaturas da temporada 2007 – foi a oportunidade que isso me criou para literalmente sair da caixinha e investigar outras ofertas. nestas andanças, tive a felicidade de descobrir na temporada internacional 2007 do cultura artística uma notável combinação de talentos e estilos.

a programação de 95 anos da entidade consegue a proeza de superar o nível excelente da temporada passada, em que tive a memorável oportunidade de apreciar, entre outros, o les musiciens du louvre de marc minkowski executando nada menos do que as sinfonias nr. 40 e 41 de… mozart! 🙂

a venda de assinaturas para não-membros começou ontem (5/fev) e ainda tem bons lugares disponíveis. arrematei hoje o meu pacotinho, série TCA, num ótimo lugar do setor 2, tendo ainda sido muito bem atendida, num contraste gritante com minha experiência anterior de novo assinante. infelizmente este pacote não inclui yo-yo ma em junho e antonio meneses com a filarmônica de varsóvia em novembro, mas é sempre possível adquirir ingressos avulsos com 15 dias de antecedência de cada concerto.

cliente satisfeito, volta e recomenda: vamos ao Cultura Artística? 🙂

* * *

Série TCA
Maio 07
Britten Sinfonia

• Britten – Young Apollo e Prelúdio e Fuga (para violino)
• Pärt – Cantus in Memory of Benjamin Britten
• Bach – Concerto para Teclado, em Ré menor
• MacMillan – Concerto para Piano nº 2

Maio 15
Piotr Anderszewsky
– Piano
• Bach – Suítes Inglesas n° 3 e 4
• Beethoven – Variações Diabelli

Agosto 01
Capela Real de Madrid
Regente: Oscar GershensohnCoro e Orquestra
• Bach – Oratório BWV.249

• Haendel – Cântico HWV.268
• Francisco Corselli – Missa Breve de Palacio
• José de Nebra – Seleção de trechos da zarzuela barroca Ifigênia em Tracia


Setembro 04
Quarteto Hagen
• Schubert – Quarteto em Sol maior
• Shostakovich – Quarteto nº 8

Outubro 16
Jacques Loussier Piano Trio

• Bach – Fuga em Ré maior, Gavota em Ré maior, Pastoral em Dó menor, Ária em Sol maior, Concerto de Brandemburgo nº 5 e Allegro do Concerto para Cravo, em Ré maior
• Debussy – Arabesque e L’Isle Joyeuse
• Satie – Gymnopédie nº 1
• Ravel – Bolero

* * *
Update: como nada nesse mundo é perfeito… os ingressos chegaram hoje, tudo certinho. mas fiquei surpresa com o serviço do Cultura Ticket, que discriminou no comprovante de entrega o valor total da compra referente aos ingressos acondicionados em envelope lacrado… eu preferia que o segurança do meu edifício não tivesse acesso a esta informação… 🙁

Spread the word:

take 6 em são paulo

a primeira boa do ano: take 6 em são paulo, no credicard hall, em 3/fev (sábado). na estrada desde o finzinho da década de 80, quem já participou de grupos vocais (corais, madrigais e afins) dificilmente nunca ouviu falar deste pessoal. com repertório variado embora basicamente centrado nas fronteiras do gospel, creio que a música mais famosa é esta aqui: the biggest part of me. os integrantes do grupo são pessoas muito interessantes, além de fazerem a maior propaganda do brasil mundo afora… 🙂

cliente citibank tem exclusividade de compra de ingressos até 16/jan. se alguém quiser, é só avisar que eu compro. vamos ao show?

Spread the word: